sábado, 20 de setembro de 2014

O lado bom da vida


"O lado bom da vida" é uma obra de Matthew Quick. A princípio, teria vários aspectos para ser um livro de auto-ajuda. A personagem principal, Pat, é um professor, com aproximadamente 30 anos, que não sabe nada sobre os acontecimentos de sua vida nos últimos anos, pois, ele passou um tempo no "lugar ruim". É ainda apaixonado pela esposa, Nikki, que pediu um "tempo" para o relacionamento dos dois. Ao longo da trama, Pat tenta melhorar nele o que prejudicava o relacionamento com Nikki. Porém, a obra vai muito além de ser algo motivacional. 

A estrutura do livro é realmente bem construída. Conhecemos o enredo através do diário de Pat. E o fato dele não conhecer os acontecidos dos últimos anos, traz para o livro um leve ar de curiosidade. Principalmente, porque quando o nome de Nikki é falado, a família dele fica desestabilizada. As personagens são tão bem construídas quanto a obra. O pai de Pat é um homem bruto e tem uma relação instável com o filho. A mãe do protagonista aguenta a maioria das situações pesadas e delicadas que acontecem com a família. Porém, o mais encantador é o próprio Pat. Ele possui um jeito muito ingênuo de ver a vida. Como ele próprio diz: "Estou praticando ser gentil, ao invés de ter a razão". 

Não se sabe ao certo o que fez Pat ir para o "lugar ruim", ou o motivo dele ter dado um "tempo" com Nikki. E ainda, se há uma ligação entre esses dois fatos. O esforço de Pat para se tornar uma pessoa melhor é comovente. Muitos leitores podem torcer para que ele finalmente encontre a esposa e tenha um final feliz. Mas, a trama começa a mudar através da relação estranha que ele tem com Tiffany. Ela é cunhada do melhor amigo dele, e há uma grande tentativa de aproximá-los por parte dos amigos e familiares de ambos. 

Tiffany também possui perturbações mentais, assim como Pat. Mas, até o fim, não sabemos o motivo. Eles não conversam muito, mas todos os dias correm juntos, sem pronunciarem nada. A amizade deles começa dessa forma. O ápice desse vínculo ocorre na parte que podemos considerar a mais bonita da obra. Os ensaios para o concurso de dança que ela participa. A mulher faz uma proposta para Pat, se ele dançar com ela e os dois ganharem, colocará Pat em contato com Nikki. E, é nesse momento, que o enredo é desenrolado e alguns aspectos são revelados, como o motivo porque Nikki não entra em contato com ele.


Nenhum comentário:

Postar um comentário